Deslocamento dos Professores X Quadro de horário – Dicas para Adaptar

Quem não tem familiaridade com a atividade acha que montar um quadro de horário de aulas é uma tarefa simples, não é mesmo?

Basta ter o nome dos professores, o período em que os alunos estarão dentro da escola e pronto, encaixa-se o horário e acabou… Mas a realidade está longe de se parecer com isso.

Normalmente, os professores não estão à disposição da instituição 100% do tempo, muitos deles, trabalham em escolas diferentes nos 3 períodos para cumprir sua maior missão que é ensinar.

Assim como a missão dos professores deve ser cumprida, instituições de ensino precisam se colocar no papel dos mestres e oferecer maior conforto e qualidade para que eles possam dar suas aulas, logo, isso precisa começar com a montagem do quadro de aulas.

É muito importante se preocupar com o deslocamento dos professores em relação ao seu horário de aula para que eles não cheguem em cima da hora e comecem suas tarefas com afobação, mas também para que eles não precisem estar cedo demais na instituição.

A Sponte tem o dever de falar que a maioria das escolas e instituições de ensino não ligam muito ou, ao menos, não colocam com a devida importância esse item, mas se você quer tornar sua marca uma referência, oferecer essa qualidade ao seu corpo docente te dará méritos incríveis!

Você verá que a qualidade do ensino irá aumentar, bem como a motivação e a disposição de todo o seu corpo docente.

 

Deslocamento dos Professores

 

Então, hoje, a Sponte separou algumas dicas que vão te ajudar a adaptar melhor o quadro de horário em relação ao deslocamento dos professores.

Aproveite!

 

# Dica 1 – Escute a preferência de horários

Por mais que você não disponha de muitas opções de horários ou formas de adaptá-los, é sempre bem bacana colocar o corpo docente em contato para que, juntos, eles possam se adequar ao preenchimento.

Você como instituição já sabe que todo o começo de ano ou até mesmo no começo de cada semestre, será necessário ter esse quadro de aulas para ser cumprido, então programe-se junto aos professores para que fique o mais próximo possível do ideal.

Obviamente, atender a todos os pedidos e preferências é quase impossível, mas vocês podem estabelecer juntos as melhores possibilidades para que não haja prejuízo aos alunos futuramente.

Sabemos que a troca de aulas no meio do ano letivo acaba prejudicando a rotina do aluno que se sente bastante confuso em ter que cumprir o novo plano de aulas, então para minimizar ao máximo essa situação, antecipe-se.

O mais indicado é que seja reunido todos os professores, dessa forma, juntos, a direção da instituição e todo o corpo docente consegue estabelecer os horários e montar ali mesmo o quadro de aulas.

Só que por muitas vezes, a quantidade de professores é gigantesca, como é o caso de faculdades e universidades que trabalham com milhares de cursos ao mesmo tempo, com professores que dão aulas em 4 ou 5 cursos diferentes…

Quando essa situação ocorrer, uma das nossas dicas é a utilização do Google Forms, que é um programa simples do Google que permite a criação de formulários, com isso, será possível criar pesquisas personalizadas de opinião.

Então, você pode enviar o link a cada professor, questionando quais são os melhores dias e horários para que a aplicação de aulas ocorra. Ao final, você terá uma planilha completa de respostas, podendo adequar o plano de aula a necessidade de cada um.

Como já dissemos, alinhar 100% aos desejos de todos é uma missão bastante complexa, mas que pode ser executada com maior eficiência, se todos participarem!

#Dica 2 – Verificar o tempo de deslocamento

Se você deseja ter professores mais motivados e um corpo docente empenhado em desenvolver com mestria todas as atividades, aqui vai um conselho da Sponte: verifique o tempo de deslocamento de cada professor até a instituição.

Faça isso, principalmente, se ele tiver que se deslocar de uma unidade à outra. Esse ponto é muito importante para oferecer maior conforto e uma melhor qualidade de vida para todos.

O Google Maps pode te dar essa resposta com rapidez e agilidade. Basta colocar o endereço de partida com o endereço de destino e pronto, você terá um tempo aproximado de deslocamento.

Ah, é preciso saber qual a forma de deslocamento que o professor utilizará, assim ficará muito mais simples ter uma ideia do trânsito no momento. Além disso, leve em conta os horários de deslocamento, não deixando de mensurar os horários de picos dos quais se perderá mais tempo no trânsito.

Quando os professores notarem que todas essas informações são pesadas no momento de montar um quadro de aulas, irão se sentir muito mais valorizados e motivados, pois saberão que sua rotina pessoal é levada em conta.

 

Deslocamento dos Professores.

 

#Dica 3 – Programa de organização e gestão de aulas

Bater todos esses dados na mão, fazer o paralelo entre a demanda e a necessidade, encaixando tudo é algo muito complexo para ser feito em uma planilha de excel, não acha?

E se nós te dissermos que temos a solução para essas questões?

É verdade, a Sponte tem o que você tanto procura!

Nós podemos te ajudar a fazer toda a gestão do seu quadro de aulas com rapidez, agilidade e eficiência, sem que você precise perder tempo com a execução de cada processo.

  • Quer saber como funciona o nosso software?

Entre em contato com a gente, teremos um prazer imenso em enviar um de nossos representantes para demostrar como funciona todas as ferramentas que desenvolvemos, exclusivamente, para facilitar o dia a dia de escolas e instituições de ensino.

Aguardamos o seu contato.

Até breve!

Deixe seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *